Reno Marinho perdeu muitos apoios e seus desafios em 2016 aumentam a cada dia

Uma das coisas que vem chamando bastante atenção nos últimos tempos, é uma certa apatia por parte dos eleitores do pré-candidato Reno Marinho. Diante dos últimos fatos, aliados de muitos anos, comentam que o pré-candidato aparenta uma certa falta de entusiasmo, uma certa preocupação para as eleições do ano de 2016. É que recentemente o pré-candidato Reno vem perdendo apoios importantes de forma sistêmica.

Podemos citar vários; como por exemplo: O ex-prefeito Prefeito Daniel Januário de Farias, hoje filiado ao PV(partido Verde) do vereador Moacir Cesário Dantas, do presidente do PV Ailton Sabino, de Rusiano, que já foi seu vice em outra ocasião, perdeu também o vereador Josivan Jerônimo, mais conhecido por Caximbo, Joaquim Moura mais conhecido como Joaquim da Pesca entre outros.
 
 Com tantas baixas, já se pode avaliar como uma perda avassaladora, já que até o presente momento, o pré-candidato Reno, ainda não apresentou a sociedade quais as forças se somaram a ele após tantas perdas.

 Já se comenta entre políticos, assessores e formadores de opinião da cidade, que se seu quadro político não tiver uma mudança, essa será a campanha mais difícil e desafiadora do pré-candidato Reno Marinho, principalmente, porque terá que enfrentar uma nova eleição após duas derrotas seguidas, sem falar no seu último incômodo, a indigerível votação do seu deputado estadual o ex-presidente da Assembleia Legislativa, que nas ultimas eleições com o apoio do ex-prefeito José Ribamar de Souza, da vereadora Rosalba Marinho e do próprio Reno Marinho, não conseguiram atingir os 300 votos para Ricardo Mota.

Alguns de seus aliados, comentam nos bastidores que além da redução no quadro do grupo político que acompanhava Reno nas ultimas eleições em 2012, seus fiéis escudeiros expõe a notória ausência do pré-candidato no município, igualmente relatam que sua atividade no papel de opositor poderia ser mais presente, objetiva e direta. 

Diante de tantos desafios que se aproximam, o pré-candidato Reno vai ter que trabalhar muito e se esforçar bastante, na conciliação de um grupo político, com o fim de tornar viável sua candidatura; que até o presente momento,  vemos uma ausência de nomes para compor sua chapa como vice.

Outro ponto que é bastante discutido na política atual do município, é que o grupo renovar teria convidado Reno para algumas conversas, e que essas teriam avançado pouco até o momento, mas na política tudo pode acontecer,  seu pai o ex-prefeito José Ribamar de Souza tem experiência de mais de 30 anos em política e aliados próximos, falam que o ex-prefeito Ribinha vai lutar até o fim.

Só nos resta aguardar os próximos capítulos para que possamos ver onde todas essas teses populares irão chegar, até o momento, o que se vê na realidade política do município de São Rafael, é que existem cinco nomes disputando uma vaga de candidato do prefeito José de Arimatéia Bráz, (Vereador Cícero, O Vereador Maguinho, o Vereador Luiz Cunha, o Secretário de Agricultura Marto Felipe e a Vereadora Rosana Santos), o(a) escolhido(a) possivelmente irá enfrentar a pré candidatura do presidente do PV Ailton Sabino,  o nome mais recente, proposta do grupo renovar o engenheiro e pré candidato Jean Lázaro, filho do vereador José Jean Dantas e o do advogado e pré-candidato Reno Marinho.

Só nos resta aguardar os festejos juninos acabarem. Porque após o apagar da fogueira teremos notícias mais concretas a respeito.

Comentários

Análise politica,de um verdadeiro mestre.
Análise politica,perfeita digna de um verdadeiro mestre,parabens.

Neto pinheiro.

Postagens mais visitadas deste blog

Jucurutu: Criança de três anos é sugada e morre em tanque de decantação da CAERN

São Rafael: Oposição ou Baderna?