Seja bem-vindo. Hoje é

Páginas

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Ambulância trafega com irregularidades apontadas desde 2013

Imagem Ilustrativa
Recebemos uma denúncia de um funcionário da saúde que não quis se identificar. Como sempre, antes de publicar qualquer coisa, fomos averiguar a denuncia e constatamos a veracidade dos fatos.

A consulta ao DETRAN-RN, foi feita hoje27/06/2016, e a Ambulância do Município de São Rafael, de marca Fiat modelo Ducato de Placas MYS-7642 veículo utilizado para transporte de pacientes e também utilizado em urgências para salvamento de vidas, infelizmente apresenta débitos desde o ano de 2013 e não pode trafegar de forma legal, embora o licenciamento anual e o DPVAT tenham sido pagos.

A maior gravidade no fato, é que o funcionário da saúde relatou que em uma de suas viagens recentes, foi abordado em uma blitz na BR 304, e na ocasião o policial rodoviário federal teria alertado o mesmo que seguisse em frente pelo fato do veículo estar transportando um paciente que precisava de cuidados, entretanto, na mesma ocasião, o policial o alertou que da próxima vez o veículo iria ficar retido.

Aqui não queremos apontar culpados, mas queremos saber se um paciente em situação de risco chegar a óbito por tal negligência, quem irá se responsabilizar pela vida desse cidadão? Se faz necessário e de forma urgente, a regularização deste veículo. 

O município não pode ficar omisso a uma questão que envolve vidas humanas, bem como, não pode apontar culpados em administrações anteriores já que o débito vem de sua própria gestão.

É lamentável ter que tocar em um assunto como esse, embora necessário. Quanto ao funcionário fica aqui sua identidade no mais absoluto sigilo e ao mesmo tempo os nossos parabéns pela coragem e responsabilidade em denunciar.

Enviamos um e-mail ao Secretário de Saúde Romulo Lenine solicitando explicações. É de praxe dessa administração, não responder, esperamos que nesse caso que envolve vidas humanas, a administração tenha mais sensibilidade e possa dar explicações a seus cidadãos.

(Abaixo imagem dos débitos)




Nenhum comentário: