Victor Chaves contrata empresa para limpar a sua imagem


Victor Chaves, da dupla Victor e Leo, recorreu a uma empresa americana para ‘limpar’ sua imagem no Brasil. Poliana Bagatini, de 29 anos, mulher do cantor, prestou queixa de agressao no dia 24 de fevereiro, alegando ter sido jogada ao chão e agredida com chutes pelo marido.


O cantor negou todas as acusações e dias depois o laudo do IML comprovou não haver marcas de agressão. Só que já era tarde demais! A imagem do cantor estava manchada para sempre. Ele perdeu parceiros publicitários, foi retirado da bancada do programa ‘The Voice’, da Rede Globo, teve show cancelados, além da forte pressão da opinião publica e principalmente das suas fãs — predominantemente mulheres.


Um produtor musical brasileiro que trabalha nos Estados Unidos fez a ponte para o cantor com a empresa Y-BUS, responsável por esconder na internet toda e qualquer informação negativa da pessoa, fotos e até vídeos comprometedores.


A empresa é responsável pelo site reputationbrazil.com e começaram a operar no país nos últimos meses. A coluna entrou em contato com o CEO da empresa, o brasileiro Fernando Azevedo — que por contrato é proibido de citar qualquer cliente. Ele não confirmou ou negou a prestação de serviço.


De qualquer forma, a empresa terá um longo trabalho pela frente, já que a principal referência a dupla na internet é a suposta agressão a sua mulher, grávida de cinco meses.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Jucurutu: Criança de três anos é sugada e morre em tanque de decantação da CAERN

São Rafael: Oposição ou Baderna?